PT diz que vai registrar candidatura de Lula em agosto

O PT afirmou que não irá se render ao que considera uma “injustiça”, após a manutenção, por unanimidade, nesta quarta-feira, da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no julgamento do recurso do processo do tríplex do Guarujá (SP) pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).
Em nota, o PT disse que não irá aceitar “passivamente que a democracia e a vontade da maioria sejam mais uma vez desrespeitadas” e que vai confirmar a candidatura de Lula na convenção partidária e registrá-la em 15 de agosto.



“Não vamos aceitar passivamente que a democracia e a vontade da maioria sejam mais uma vez desrespeitadas. Vamos lutar em defesa da democracia em todas as instâncias, na Justiça e principalmente nas ruas”, diz o partido na nota.
“Vamos confirmar a candidatura de Lula na convenção partidária e registrá-la em 15 de agosto, seguindo rigorosamente o que assegura a legislação eleitoral. Se pensam que história termina com a decisão de hoje, estão muito enganados, porque não nos rendemos diante da injustiça.”
O PT deve reunir sua Direção Nacional na quinta-feira, em São Paulo, e reafirmar a candidatura de Lula ao Planalto.
Os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) votaram, por unanimidade, pela condenação do ex-presidente Lula pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
Durante o julgamento nesta quarta-feira de recurso do petista em processo relacionado ao apartamento tríplex em Guarujá, no litoral de São Paulo, eles também decidiram aumentar a pena fixada anteriormente pelo juiz de primeira instância Sérgio Moro.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *