No Recife, petista perde fôlego, enquanto Geraldo Júlio se mantém na liderança, Datafolha

Na reta final da campanha pela Prefeitura do Recife, o candidato à reeleição, Geraldo Júlio (PSB), consolidou-se na liderança e está próximo de vencer a disputa.
Pesquisa Datafolha aponta que Júlio tem 59% das intenções de votos válidos contra 41% de João Paulo Lima (PT). O resultado é praticamente igual ao da pesquisa anterior, de 11 de outubro, que apontava Geraldo com 58% contra 42% de João Paulo.
Considerando os votos gerais, incluindo brancos, nulos e indecisos, o prefeito subiu de 47% para 50% das intenções de voto. O petista manteve 34%.
Brancos e nulos somavam 13% das intenções de voto e agora são 11%. Indecisos eram 6%, agora 5%.
O levantamento entrevistou 1.024 eleitores do Recife nesta terça (25) e tem margem de erro de três pontos para mais ou para menos.
Ao todo, 91% dos eleitores recifenses afirmaram estar totalmente decididos em quem votar no domingo (30).
Outros 8% afirmam que ainda podem mudar de candidato.
Júlio por pouco não venceu no primeiro turno: teve 49,34% dos votos válidos contra 23,76% de João Paulo, 18,59% de Daniel Coelho e 5,43% de Priscila Krause. Edilson Silva (PSOL) teve 2,1%. Carlos Augusto (PV), Simone Fontana (PSTU) e Pantaleão (PCO) não chegaram a 1%.
O Datafolha ainda aponta que Geraldo Júlio foi o escolhido entre a maioria dos eleitores de Coelho (PSDB) e Krause (DEM).
Entre os eleitores de Coelho, 43% afirmam que votarão no prefeito e 30% dizem votar no petista.
Já entre quem votou em Krause, 59% dizem votar agora em Júlio e 23% afirmam que votarão em João Paulo.
Para o segundo turno, Coelho e Krause anunciaram neutralidade. Mas os seus partidos, PSDB e DEM, defenderam o apoio a Júlio.
No geral, o prefeito tem melhor desempenho entre os jovens até 24 anos e os mais ricos, com renda maior que dez salários mínimos.
João Paulo vai melhor entre os eleitores com entre 25 e 24 anos e entre os mais pobres, com renda até dois salários mínimos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *