Esquerda uruguaia convida Dilma para atos de defesa da democracia

A ex-presidente Dilma Rousseff participará na próxima sexta-feira, no Uruguai, de uma série de atos convocados pela Frente Ampla, o partido do presidente Tabaré Vázquez, informou nesta terça-feira a coalizão de esquerda.
Com base no programa “Eu defendo a democracia. Dilma no Uruguai”, a presidente destituída concederá uma entrevista coletiva ao lado do presidente da Frente Ampla, Javier Miranda, nas instalações partidárias, segundo a agenda da visita.
Na tarde de sexta-feira, Dilma participará de um debate em Montevidéu.
Convidada pela central sindical PIT-CNT, a ex-presidente fará o discurso que encerrará um ato convocado pela organização por ocasião da greve parcial da próxima sexta-feira.
Fontes do PIT-CNT informaram à AFP que Dilma, 68 anos, discursará por volta do meio-dia (13H00 Brasília) para encerrar o evento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *