Descoberta a maior gruta subaquática do mundo

Mergulhadores descobriram a ligação entre dois outros sistemas de grutas no litoral do México
Um grupo de mergulhadores descobriu uma ligação entre duas cavernas subaquáticas no leste do México que revelou aquela que se julga ser a maior gruta do gênero em todo o mundo: tem 347 quilômetros.



 

A descoberta, acreditam os investigadores do projeto Gran Acuifero Maya (GAM), poderá ajudar a lançar novas luzes sobre a antiga civilização maia.
Este projeto, que se dedica ao estudo e preservação das águas subterrâneas da península de Iucatã, anunciou que a descoberta da gruta aconteceu após vários meses a explorar o labirinto de túneis subaquáticos. Mas um dos mergulhadores já procurava esta ligação há 14 anos.

Até esta descoberta, que aconteceu a 10 de janeiro e que foi anunciada na segunda-feira, o sistema Ox Bel Ha, a sul de Tulum, era o maior, com 270 quilômetros, seguido do sistema Sac Actun, a nordeste daquela região, com 263 quilômetros de extensão. O sistema agora encontrado comunica com o Dos Ojos, que tem 83 quilômetros e que vai desaparecer oficialmente  segundo as regras de espeleologia, o maior absorve o mais pequeno.
Com este e outros esforços do GAM, buscamos compreender melhor o subsolo, sua biodiversidade e a relação do ser humano, até hoje, com essas águas ancestrais, com o objetivo de alcançar um uso adequado dos recursos naturais que dependem deste aquífero.
“A próxima fase deste ambicioso projeto inclui a análise da qualidade da água do sistema Sac Actun, bem como o estudo da biodiversidade que depende diretamente deste aquífero e, claro, é uma conservação adequada; além de dar continuidade ao mapeamento e registro detalhado de contextos arqueológicos submersos”. afirmou o diretor do GAM.
O diretor do GAM, Guillermo de Anda, citado pela agência de noticias Reuters, diz que este achado poderá ajudar a compreender o desenvolvimento daquela região, dominada pela civilização maia antes da conquista espanhola.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *