Astronauta cresce 9 centímetros em apenas três semanas

É a primeira missão do japonês Norishige Kanai que agora teme não caber no assento da nave que o irá trazer de volta à Terra
O japonês Norishige Kanai cresceu nove centímetros desde que faz parte da tripulação da Estação Espacial Internacional (EEI), de acordo com um tweet que o mesmo partilhou esta terça-feira.



“Hoje tenho uma notícia importante. Passei no exame médico com medição dos parâmetros físicos e a minha estatura aumentou 9 centímetros. Cresci em três semanas”, escreveu Kanai, que chegou à EEI a 19 de dezembro, a bordo da nave russa Soyuz.
O astronauta japonês, de 41 anos, lembrou ainda que não crescia desta forma desde a adolescência e partilhou um receio:
“Agora estou preocupado se vou caber no assento da nave espacial Soyuz”, acrescentou, citado pela agência russa “TASS“.
A preocupação de Norishige Kanai é legítima. A nave espacial Soyuz que leva os astronautas de e para a Terra tem um limite na altura do assento. Se os membros da equipa se tornarem muito altos, isso pode representar um problema.
“Nove centímetros é muito, mas é possível” disse Libby Jackson, da Agência Espacial do Reino Unido, à BBC News.
“Ficamos mais altos no espaço à medida que a nossa espinha se afasta, geralmente dois a cinco centímetros”, acrescentou. “Existe uma variedade de crescimento e as pessoas respondem de forma diferente”, explicou.
Esta é a primeira missão espacial do astronauta japonês. Da equipa fazem ainda parte o russo Anton Shkaplerov e o americano Scott Tingle.
Os três astronautas, que permanecerão no espaço cerca de meio ano, juntaram-se assim ao russo Alexandr Misurkin e aos americanos Mark Vande Hei e Joseph Acaba, que estão na EEI desde setembro.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *